Google+ Followers

segunda-feira, 18 de abril de 2016

A VITÓRIA DOS GOLPISTAS TEM SABOR DE LAMA






                       
                    A VITÓRIA DOS GOLPISTAS TEM SABOR DE LAMA


A vitória de ontem, para os que apoiaram o golpe, teve cheiro e sabor de esgoto. A lama que recobre a maioria dos nossos parlamentares impregnou os votos dados a favor do impedimento de Dilma Rousseff. Esta lama respingou na população que comemorou nas ruas do Brasil a admissibilidade do processo de impeachment.

Comandada por Eduardo Cunha, um bandido contumaz, reconhecido e rejeitado pelo povo brasileiro, a sessão de ontem na Câmara de Deputados manchou indelevelmente a história do Brasil.

A tão propalada compra de votos, que a golpista Rede Globo propagou aos quatro ventos, não se evidenciou. Pelo contrário, os votos contra o impedimento de Dilma Rousseff foram dados por parlamentares conscientes que colocaram os interesses do Brasil acima dos interesses individuais. Ficarão como heróis para a nossa história.

Neste doloroso processo, ganhou terreno a conscientização do povo brasileiro. Não haverá mais retrocesso. A elite intelectual e os trabalhadores deste País lutarão contra a opressão do sistema e contra o fascismo.

A aglutinação de tantos colegas no grupo: MÉDICOS PELA DEMOCRACIA” me deu a convicção de que devemos fortalecer a luta. Agora, mais do que nunca, devemos cultivar a nossa saudável e impagável convivência.

O colega Fonseca iniciou sua reflexão com o primeiro verso do poema “Canção do Tamoio”, de Gonçalves Dias. Eu encerro a minha com o último verso do mesmo poema.


As armas ensaia,
Penetra na vida:
Pesada ou querida,
Viver é lutar.
Se o duro combate
Os fracos abate,
Aos fortes, aos bravos,
Só pode exaltar”.


Viva Dilma, Viva Lula, Viva a Democracia e Viva o Povo Brasileiro! 

Ana Margarida Arruda Rosemberg
Fortaleza, 18 de abril de 2016

Nenhum comentário:

Postar um comentário