Google+ Followers

quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

O MASP E SEUS CAVALETES DE CRISTAL

Sempre que visito o Museu de Arte de São Paulo (MASP) ficou surpresa com sua nova roupagem. Há dois dias, 26/01/2016, terça-feira, fiquei deslumbrada ao ver 119 obras de arte vestidas de cristal e suspensas no ar em uma grande galeria aberta e fluida. Lembrei-me do Louvre de Lens, que foi criado, há poucos anos, com esse conceito.  O mais impressionante é que os cavaletes de cristal são bem antigos e estrearam, em 1968, quando Lina Bo Bardi implantou o seu programa museológico para o MASP. Por isso, ficaram conhecidos como os cavaletes de cristal de Lina  Bo Bardi. Removidos em 1996, os cavaletes de cristal voltam agora com certo ar de nostalgia e muita leveza. As obras de arte estão em ordem cronológica abrangendo um período que vai do século 4 a.C. a 2008. A legenda informativa encontra-se atrás do quadro, permitindo ao visitante maior intimidade com os mesmos que desceram das paredes para esse contato quase carnal com o seu apreciador.


Giovanni Bellini - 1430 -1516 -  A Virgem com o Menino de pé

Maestro di San Martino alla Palma - virgem com o Menino Jesus 1310-20

Maestro del Bigollo - Virgem em Majestade com o Menino e dois Anjos  - 1275


Giampietrino - A Virgem amamentando o Menino e Sâo Joâo Batista criança em adoraçao - 1500-20






Pierre-Auguste Renoir - Rosa e Azul - As Meninas Cahen d'Anvers -1881

Amadeo Modigliani  - Lunia Czechwska, circo 1918

Amadeo Modigliani - Retrato de Leopoldo Zborowski 1916-19

Candido Portinari - O Lavrador de Cafê -1939

Diego Rivera 1886-1957 - Os Semeadores - 1947

Estatua da Deusa Higeia  - Grêcia Periodo Helenistico 4 a.C.

Par de guerreiros Chineses - China - 907 d.C.

Edgar Degas - bailarina de 14 anos -1880





Nenhum comentário:

Postar um comentário