Google+ Followers

quinta-feira, 20 de junho de 2013

POR: DANIEL ARRUDA TEIXEIRA - A MENINA E O SKATE

 
Dr. Daniel Arruda - Médico patologista e radiologista

A Menina e o Skate

Nesta última terça-feira, por volta de 23 horas, eu tinha que fazer o trajeto Liberdade-Vila Madalena para voltar para a casa. Resolvi arriscar cruzar a Paulista perto da Augusta, pois a opção de ir pelo centro de São Paulo parecia pior. Havia confusão na Augusta e fumaça branca em toda a parte (não sei se era do painel da copa do mundo queimado ou gás lacrimogênio). A fumaça não me incomodou pois eu confortavelmente desliguei a circulação de ar do carro. Um obstáculo, entretanto apareceu na minha frente enquanto eu dirigia... UMA MENINA NUM SKATE COM UMA BANDEIRA DO BRASIL. Digo obstáculo não por ela ter impedido minha passagem; mas por ter me olhado nos olhos como quem diz “Babaca, sai desse carro e vem pra rua”

Eu sou babaca?

Não me animei até agora de ir pra rua brigar contra o reajuste de 20 centavos por saber que é resolver um problema para criar outro. Afinal alguém duvida que essa conta não vai sair do nosso próprio bolso? (Aumento do combustível ou outros impostos).
Vinte centavos são apenas a ponta do iceberg. O maior problema do país se chama Corrupção. Temos nas mãos nesse momento a possibilidade de tentar chamar atenção para isto. Devemos mudar o movimento nesse sentido e ir sim para as ruas! A PEC 37 é um exemplo de que podemos ter objetivos concretos nas nossas reivindicações.
Depois que passar tudo isso, se nós continuarmos a assistir novelas e cultuarmos ao extremo jogadores de futebol... infelizmente nada vai mudar. Jogadores não são meus heróis! Meus heróis são brasileiros como Carlos Chagas, Adolfo Lutz, Athanase Billis e todos os pobres pequenos burgueses que carregam o país nas costas.


Daniel Arruda
São Paulo,  19 de junho de 2013.

Um comentário:

  1. Complementando: Não devemos esquecer que a corrupção deve ser combatida, também, através do nosso bom exemplo. Do bom exemplo do povo consciente e honesto. Devemos respeitar as leis do trânsito, não furar filas, não ficar com trocos que nos favoreçam, pagar os direitos de nossos empregados, não sonegar impostos, cumprir os horários de trabalho etc, etc, etc... Corruptos estão por toda parte, inclusive entre o povão. Os governantes não são seres de outros planetas, eles saem do meio do povo, pois como diz o ditado: CADA POVO TEM O GOVERNO QUE MERECE. Muitas vezes, o povo não é corrupto por falta de oportunidade. Por outro lado, devemos colocar os corruptos na CADEIA, para desestimular a CORRUPÇÃO, esse CRANCO que dilacera o progresso de uma nação.

    ResponderExcluir